Curiosidades que você nunca ouviu sobre os primeiros carros

Quando surgiram os retrovisores?

A primeira patente, oficialmente, foi registrada em 1921, mas alguns atribuem ao francês Alfred Faucher a criação dos retrovisores, em 1906. Esse inventor também seria responsável pela criação de outros itens de segurança como da luz de freio e do pisca.

Anúncios

Como eram os primeiros faróis automotivos?

A iluminação nos carros sempre existiu. Mesmo antes dos veículos motorizados, as carruagens e outros meios de transporte utilizavam velas e lampiões para iluminar a estrada.

O automóvel Panhard, em 1899, ganhou um farol de candelabro à vela, semelhante às lanternas de carruagens. Em 1906, o Cadillac já possuía um farol a gás de acetileno.

Esses dois modelos exigiam que os donos acendessem os faróis manualmente, com isqueiros. Os primeiros faróis de lâmpada elétrica surgiram em 1912.

Anúncios
Image result for Automóvel Panhard & Levassor (1899) com faróis à vela

Como eram os primeiros pneus?

A fabricação inicial era feita através de um aro de ferro e madeira. Os pneus de borracha trouxeram mais conforto para os motoristas, porém não eram muito duráveis.

Foi Charles Goodyear, em 1839, que possibilitou a vulcanização da borracha e patenteou esse processo. Apesar do nome conhecido hoje mundialmente, quem fundou a fábrica da Goodyear foi um engenheiro que homenageou o inventor.

Os primeiros a patentear o pneu foram os irmãos Michelin, em 1845.

Anúncios

Como eram os primeiros volantes?

Diferente do que conhecemos, os primeiros volantes eram em forma de alavancas, que mudavam a direção dos carros como os lemes dos barcos.

O modelo circular com o qual estamos acostumados foi inventado pelo francês Alfred Vacheron, em 1894, que o utilizou em um Panhard et Levassor para disputar uma corrida.

Quatro anos depois, a fabricante Panhard adotou a ideia do francês em seus carros.

Anúncios

Anúncios