Curiosidades que você nunca ouviu sobre os primeiros carros

Quem inventou o velocímetro?

A criação dos velocímetros é de 1888, mas a sua patente foi registrada apenas em 1902. Os primeiros velocímetros eram acessórios extra do automóvel, que apenas em 1930 foram incorporados à fabricação como conjunto de instrumentos, que incluía também as luzes de velocidade, de fornecimento de combustível e outras luzes indicadoras.

A introdução do velocímetro elétrico aconteceu em meados dos anos 1950.

Anúncios

Quando chegaram os automóveis ao Brasil?

O primeiro automóvel chegou ao Brasil no ano de 1891 a bordo de um navio chamado Portugal. Desembarcou no porto de Santos, a espera de seu comprador, o aviador brasileiro Alberto Santos Dumont.

O modelo era um Peugeot, dirigido mais frequentemente pelo seu irmão Henrique. Há controvérsias sobre esse ser o primeiro carro do país, pois é conhecido que a família Álvares Penteado também tinha um automóvel naquela época.

Anúncios

Qual foi o primeiro carro fabricado no país?

Muito tempo depois do famoso modelo Ford T de 1908, a fabricação em série aqui no Brasil começou em 1956, quando a Iso licenciou a produção do Isetta para a Romi, fábrica de Santa Bárbara do Oeste. O carro era o Romi-Isetta.

Por possuir apenas uma porta na frente, o Grupo Executivo da Indústria Automotiva, o GEIA, não considerou o Romi-Isetta como um carro, passando o título de primeiro para a perua DKW Universal, que também foi produzida em 1956.

Anúncios

Uma história que não termina

Depois de todas essas invenções e aperfeiçoamentos, hoje o Brasil é um dos maiores produtores de automóveis no mundo. A cidade de São Paulo é uma das que possui mais carros por habitantes e que sofre com os constantes engarrafamentos.

Os modelos mudaram e continuam evoluindo, ganharam novas funções e ficaram mais seguros. Não precisamos mais esperar séculos, a cada ano a indústria automobilística traz novidades, e é agradável relembrar como tudo começou.

Anúncios